domingo, 8 de abril de 2012

Psicologia Organizacional

(Texto adaptado por Prof. Ms. Márcia Polini)

RESUMO PARA ESTUDO
(por Renata Cardoso
Aluna do 3º semestre do curso de Psicologia da
Faculdade Anhanguera – unidade Anchieta)


Histórico da Psicologia Organizacional (PO)

 A PO tem como objetivo a utilização dos princípios científicos do comportamento humano nas organizações.

Durante sua trajetória a PO gerou dias vertentes:

- O Psicólogo tem o domínio no desenvolvimento de técnicas e praticas de recrutamento, seleção de pessoal, avaliação de desempenho de pessoas, gerando eficiência organizacional por meio de uso adequado das práticas de recursos humanos.

- Relações humanas no ambiente de trabalho, usando temas de motivação, liderança, controle comportamental, equipe de trabalho, bem estar no trabalho, estas são matérias primas para o gerenciamento de pessoas.

Fases da Psicologia Organizacional que  teve inicio antes da psicologia ser regulamentada como profissão.

- 1ª. Fase: 1924 – 1970: foi marcada pela psicologia industrial, voltada aos interesses da indústria – Taylor (com seus treinamentos para execuções de tarefas). Alem de seleção de pessoal e treinamento, surgem ainda neste período, estudos sobre condições de trabalho, visando aumentar a produtividade. Durante este período, a psicologia não era observada para o desenvolvimento da organização.

- 2ª. Fase: 1970 – 1990: Marcada com a Psicologia nas Organizações. A seleção e treinamento de pessoal ficavam sob a responsabilidade do chefe do departamento de pessoal. Com o desenvolvimento tecnológico e a concorrência surgiu a necessidade do Psicólogo nas empresas, que com suas técnicas ajustavam o homem com a organização. Também nesta época a psicologia passou a ter participação no desenvolvimento da organização (DO), contribui para as condições de trabalho, relações humanas e até produtividade.

- 3ª. Fase: 1990 a diante: Marcada pela globalização da economia, pela intensa competição nas empresas e pela substituição do homem pela máquina. As relações de trabalho começaram a ter alterações com as substituições dos empregos formais pelos informais, devido ao grande numero de falências e concordatas com a administração do governo Collor.

Gerenciamento de Pessoas

- Está direcionada a pessoas que administram outras pessoas. (marketing, vendas, informática, etc.)
- Direcionado às organizações.  (famílias, igreja, escola, empresas, etc.)
- Direcionado a cargos de comandos. (pai, mãe, supervisores, gerentes, lideres religiosos, etc.)

A psicologia com suas técnicas auxiliam no gerenciamento de pessoas, na compreensão do comportamento humano, à capacitação de lideres para atingirem as metas da organização, satisfazendo as pessoas e aumentando a produtividade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.